Páginas

04 fevereiro 2015

Saga - Jogos Vorazes ♥

Tentei parar e escrever depois, porém estou tão absorvida pela saga que até sonhei, sem falar em um sentimento no coração que nem sei como explicar.
E a música “Hanging Tree” não ajuda tocando dia e noite no meu celular. Transportando-me para Panem, para a Arena, para vida dos personagens.

Após o fim da América do Norte, uma nova nação chamada Panem surge. Formada por doze distritos, é comandada com mão de ferro pela Capital. Uma das formas com que demonstram seu poder sobre o resto do carente país é com Jogos Vorazes, uma competição anual transmitida ao vivo pela televisão, em que um garoto e uma garota de doze a dezoito anos de cada distrito são selecionados e obrigados a lutar até a morte! Para evitar que sua irmã seja a mais nova vítima do programa, Katniss se oferece para participar em seu lugar. Vinda do empobrecido distrito 12, ela sabe como sobreviver em um ambiente hostil. Peeta, um garoto que ajudou sua família no passado, também foi selecionado. Caso vença, terá fama e fortuna. Se perder, morre. Mas para ganhar a competição, será preciso muito mais do que habilidade. Até onde Katniss estará disposta a ir para ser vitoriosa nos Jogos Vorazes?

Li a saga em duas semanas, mas porque trabalho, senão teria sido, sei lá dois dias? Haha sério, eu mal conseguia dormir querendo saber a próxima cena.

Ler esses livros depois de ter assistido aos filmes foi uma experiência interessante, queria ter lido primeiro, com certeza teria aproveitado todas as emoções de verdade, no entanto me arrebatou profundamente. Nem precisei imaginar os personagens né, tudo que eu lia já ia associando, lembrando-me do filme, aliás, o roteirista e diretor estão ó de parabéns haha fizeram uma ótima adaptação. Fez-me entender como funciona uma adaptação direitinho, uma aula!!


É um romance e drama psicológico, como podem dizer que é infanto/juvenil... É tão sério, tão articulado, pensamentos totalmente maduros, perspectivas tão profundas e filosóficas!! Principalmente o último livro “A Esperança”.

A música, Hanging Tree, ai ai que arranjo final de tirar o fôlego, te preparando para o perigo iminente; tudo é bem abordado, consciente, bem feito. Apaixonei-me perdidamente. Deus do céu!!!



Não consigo esquecer esse livro pelamorrrrrrrr haha tentei ler Fangirl hoje, quem disse que consegui, como falei no instagram, é muito sentimento para se lidar. Preciso de mais tempo, essa ressaca literária não quer passar.

Também, confesso, não quero esquecer tão rápido.
 A última parte no cinema este ano, meu bem, será arrasador, quero nem dizer, só sentir.

Um comentário:

  1. Léa, me identifique com vc!!!!
    Li os livros depois do filmes e amei a adaptação para os filmes e os livros também. Fiquei com todos os personagens na cabeça e até sonhava quando dormia à noite. Li em menos de uma semana. Também demorei a ler outro livro, se isso te conforta rsrrs
    Desde já, estou ansiosa e na expectativa pelo último filme. Quero (muito) ver a adaptação nas telonas.
    Abraços Mika,
    Pensamentos Viajantes

    ResponderExcluir