28 julho 2014

[Resenha] Jogando Xadrez com os Anjos - Fabiane Ribeiro

Peguei esse livro sem ler a sinopse, já que foi recomendado por uma amiga – Bjs Dany - a capa achei uma fofura, apesar do material não ser muito bom e ficar dobrando sempre, sem falar que as folhas são brancas (cansam a vista) melhor seria se fossem amareladas :)

A história começa com Anny aos 8 anos e a acompanha até os 18, em uma Inglaterra pós-guerra. Filha única, estuda em casa, seus Pais, Cindy (meio rude) e Jefferson (carinhoso) trabalham muito e só a veem aos finais de semana, trabalho esse que se torna um mistério no início do livro e até te deixa intrigada. Por causa desse trabalho os pais de Anny resolvem deixa-la por um ano aos cuidados de sua professora particular Jane e seu marido, a partir daí começa a história de verdade.

Antes de partir seu Pai lhe dá um presente, um jogo de xadrez incrível, pelo menos na minha imaginação, então esse jogo e a Tiara, seu bichinho de pelúcia, passam a ser sua companhia, até ela encontrar novos amigos, amigos inesquecíveis, amigos surpreendentes.


Anny é uma garota que tem um bom coração, demais até, algumas situações que ela enfrenta para a sua idade são revoltantes, eu até entendi seu ponto de vista, que às vezes eu até achei que para uma menina de 8/9 anos eram muito maduros, mas enfim não precisaria ser tão condescendente, o que me irritou bastante.

A autora busca até meio exagerado, mostrar uma poesia/mágica que não conseguiu me convencer em algumas partes. Ela escreve muito romanticamente e chega a ser patético, é sério, uma vez que é na terceira pessoa ela poderia ser mais imparcial e deixar a imaginação de Anny comandar a história.


Têm parágrafos lindos ♥, devo dizer, lições que valem muito a pena, eu aprendi, chorei, sorri, fiquei muito feliz, mas algumas partes do livro podiam não existir. Principalmente quando a autora escreve um diálogo e tu entendes o que ela quis dizer, mas ela faz questão de explicar TUDO em outro parágrafo Aafff! Isso me irritou por que aconteceu umas três vezes.

No entanto, eu acho que a dimensão desse livro deveria ter sido outra, sabe... Ele bem poderia ser um Thriller, existe aventura, existe ação, amor, sonhos, suspense, perigo, é uma história boa, mas o rumo poderia ser melhor.

Assim... Apesar de tudo não me arrependo de ter lido, é uma boa história, e ficaria melhor ainda se fosse para as telas de cinema, uma enxugada nela seria um espetáculo!


24 julho 2014

Resenha - Série Fazendo meu Filme


Quando penso em FMF meu coração derrete, meus olhos se enchem de lágrimas - Piegas  -uma emoção toma conta de mim... Essa é a série mais Amorzinho da minha vida!  

As pessoas me perguntam como é a história e eu só consigo falar do que senti.

É assim... Ela toca em dois pontos comuns da vida de qualquer pessoa: sonhos e amor. E quando o sonho da personagem é o mesmo ou parecido com o seu aí né... Você vive ainda mais as expectativas, as ilusões/desilusões e todo o resto que a história por si já proporciona.

A história acompanha Fani desde a adolescência e suas descobertas, até o começo da fase adulta e seu amadurecimento.

Fani é uma garota tímida chorona que tem muitos sonhos e um deles é ser cineasta, desejo esse contrário ao de seus pais (sua mãe) que esperam que a filha curse Direito, mas nem pense em muito drama quanto a isso. No primeiro livro ela está cursando o segundo ano do ensino médio (16 anos) quando se vê metida em alguns dilemas: a possibilidade de fazer um intercâmbio na Inglaterra, deixando assim sua Escola de que gosta bastante, além da sua família e sua amiga Gabi; descobrir se está realmente apaixonada pelo seu amigo Leo ♥ e convencer a sua família sobre cursar Cinema.


São quatro livros apaixonantes, nunca gostei tanto de uma série e de todos os livros. O melhor de tudo é que a história se passa no Brasil, então algumas referências e músicas são brasileiras. E claro, em todo começo de capítulo tem uma frase de algum filme, além da trilha sonora linda que o Leo e Fani criam.

É tão cativante, torci muito, quis fazer parte, quis que eles existissem de verdade... Esse é meu normal de leitora, tá! Tudo bem que em alguns momentos dá vontade de dar umas tapas, dar bronca, dizer umas verdades, mas passa, até porque existe a Gabi nesses momentos #savegabi.

Há várias lições nesta história, para não dar spoiler, vou dizer uma das que acredito muito, pois já vivi isso, é a de que os amigos podem mudar sua vida.

Eu já ia esquecendo... Vai virar filme!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Mas, antes disso, vai ser lançado como Quadrinhos - olha aí a capinha abaixo, achei o máximo. Vou comprar sim ou com certeza?


E... Acabou, nem acredito!

Aquela velha história de querer saber logo o final e ser o final. Chorei, claro! Porém, o melhor de tudo, pelo menos para mim, é que ficaram as músicas, ouço e lembro-me de algumas cenas e morro de saudades.

Além de tudo, o que o coração deseja, é um amor igual ao deles.


5 estrelinhas ♥




Fotos: Batom de Framboesa -  Google ou provavelmente da Mel ♥

21 julho 2014

Na Lista de Espera

Essa é uma lista interminável, pra falar a verdade, mas digamos que esses são os mais urgentes em nível de ansiedade.

Bonsai - Alejandro Zambra


“No final, ela morre e ele fica sozinho, ainda que na verdade ele já tivesse ficado sozinho muitos anos antes da morte dela, de Emília.” Calma que não é spoiler! Alejandro Zambra com muita originalidade (e coragem!) decidiu contar logo no primeiro parágrafo do livro como a história de amor entre dois estudantes termina. “Digamos que ela se chama ou se chamava Emilia e que ele se chama, se chamava e continua se chamando Julio. Julio e Emilia. No final, Elimia morre e Julio não morre. O resto é literatura.” E a partir daí o chileno explora a metaliteratura, desenvolve uma história triste e surpreendente e mostra como Bonsai, um romance curto e livre pode se tornar complexo e encantador.

 Viaje mais aqui
*
A Máquina de Contar Histórias – Mauricio Gomyde


Na noite em que o escritor best-seller Vinícius Becker lançou A Máquina de Contar Histórias , o novo romance e livro mais aguardado do ano, sua esposa Viviana faleceu sozinha num quarto de hospital. Odiado em casa por tantas ausências para cuidar da carreira literária, ele vê o chão se abrir sob seus pés. Sem o grande amor da sua vida, sem o carinho das filhas, sem amigos... O lugar pelo qual ele tanto lutou revela-se aquele em que nunca desejou estar. Vinícius teve o mundo nas mãos, e agora, sozinho, precisa se reinventar para reconquistar o amor das filhas e seu espaço no coração da família V. Uma história emocionante, cheia de significados entrelaçados pela literatura, mostrando que o amor de um pai, por mais dura que seja a situação, nunca morre nem se perde.

*

Minha Vida fora de Série – Paula Pimenta


A Pri é uma garota de São Paulo que ama animais e sonha em ser veterinária. Após o divórcio de seus pais, se muda com sua mãe e apenas “alguns” dos seus animais de estimação (ela tem cachorro, gato, hamster, papagaio, furão…) para Belo Horizonte. Lá ela acaba descobrindo uma nova paixão: séries! Quem já leu a FMF já conhece alguns personagens dessa nova série, inclusive a protagonista: a Priscila (Pri). Quando li senti que estava fazendo uma viagem no tempo, pois, nesse primeiro volume, nós conhecemos os personagens aos 13 anos (no FMF1 eles estão no segundo ano do ensino médio, ou seja, têm 16 anos). É muito divertido saber como eles se conheceram e como “nasceram” essas amizades.

Sonhe mais Serendipity
*
Eleanor e Park – Rainbow Rowell


Os protagonistas se conhecem no ônibus escolar onde, contrariado, Park permite que a menina sente-se ao seu lado, mas resolve ignorá-la já que suas roupas masculinas e seu cabelo vermelho caótico com certeza irão virar motivos de bullying entre os estudantes. O que eles não podiam esperar é que o amor pelos quadrinhos e pela música fosse os aproximando revistinha após revistinha, fita K7 após fita K7.

Teste a ansiedade aqui



16 julho 2014

Tag 7 coisas!

Fui escolhida pelo blog da Mika que é super flor, e mega gentil - para responder a tag.
Funciona assim: são 7 perguntas para 7 respostas.
Simples, mas demorei eras para responder.

 Sete coisas que quero fazer antes de morrer.

1. Comprar uma casa.
2. Escrever um livro.
3. Viajar para o exterior.
4. Empreender.
5. Cursar outra Faculdade.
6. Ter um cachorro.
7. Criar um App.

Sete coisas que eu mais falo.

1. Oxe.
2. Aff.
3. Homi.
4. Mar menino.
5. Não enche.
6. Se vire.
7. Sou doida.

 Sete coisas que faço bem.

1. Quebrar as coisas.
2. Ser rude.
3. Brigadeiro.
4. Me esconder.
5. Dar presente.
6. Ter paciência.
7. Ser resiliente.

 Sete coisas que não faço bem.           

1. Passar delineador.
2. Me concentrar.
3. Cozinhar.
4. Demonstrar sentimentos.
5. Discutir.
6. Tolerar gente mal educada.
7. Dançar. Não danço nada.

 Sete coisas que não gosto.

1. Injustiça.
2. Gente blasé.
3. Falsidade.
4. Hipocrisia.
5. Sarcasmo.
6. Esmalte amarelo.
7. Quando alguém pronuncia meu nome errado hehe.

Sete coisas que eu amo.

1. Minha Família.
2. Chocolate.
3. Livros.
4. Viajar.
5. Cinema.
6. Escrever.
7. Desenhar.

Sete coisas que me encanta.

1. Sorriso com covinha.
2. Gentileza.
3. Parceria/Companheirismo.
4. Surpresas.
5. Bebês.
6. Tulipas e Bromélias.
7. Pessoas apaixonadas.


Escolhi mais sete bloggers para responder. São elas:




09 julho 2014

Jardim de Infância

Adoro uma história, e se for cativante e cheia de fantasia, melhor ainda.

Tenho uma cabeça de vento, nas nuvens e ideias esquecidas em segundos, sem falar que tenho uma imaginação forte... Então, sabe aqueles filmes mágicos que te transportam para dentro da película? Pronto são esses que vou mostrar abaixo e o que têm em comum é que são infantis, mas eu até duvido muito disso :)

Tenho que dizer que são filmes antigos -clássicos?, porque atualmente têm animações das quais gosto bastante.
                             Post cheio de fotos, acho que todo mundo já assistiu hein...

O meu favorito é A Princesinha, filme inesquecível, e só posso dizer qua a Warner Bros produziu os melhores filmes ever ♥


1914, Simla, Índia. Sara Crewe (Lisel Matthews) é uma garota inglesa que vivia feliz, apesar de ser órfã de mãe. Quando eclodiu a 1ª Guerra Mundial seu pai, o capitão Crewe (Liam Cunningham), que pertencia ao exército inglês, tem que ir para a guerra. Porém antes vai a Nova York para deixar Sara num luxuoso internato para moças, no qual a mãe dela já estudara e que é administrado agora com mão de ferro pela Srta. Minchin (Eleanor Bron). A Srta. Minchin fica incomodada com a criatividade de Sara, que logo cativa a maioria das garotas. Um dia o Sr. Barrow (Vincent Schiavelli), o advogado do pai de Sara, chega no colégio para dizer que não haveriam mais pagamentos, pois o pai de Sara tinha morrido em combate. Minchin então faz Sara trabalhar como uma criada, para pagar sua estada ali.
 

Sob os cuidados de uma conservadora governanta, encontram-se em uma grande casa de campo, três crianças: Mary (Kate Maberly) uma menina órfã e rebelde, Colin (Heydon Prowse) um garoto mimado e cheio de manias e Dickon (Andrew Knott), um garoto gentil e atencioso. Eles descobrem um misterioso jardim abandonado, que se transforma em um lugar mágico.
 

Grinch (Jim Carrey) que odeia o Natal resolve criar um plano para impedir que os habitantes da pequena cidade de Quemlândia possam comemorar a data festiva. Para tanto, na véspera do grande dia, o Grinch resolve invadir as casas das pessoas e furtivamente roubar delas tudo o que esteja relacionado ao Natal.

Com os prédios de seu bairro estando prestes a ser demolidos, o que forçará a mudança de todos os residentes do local, um grupo de garotos resolve organizar uma cerimônia de despedida do local. Quando descobrem um legítimo mapa do tesouro, capaz de torná-los ricos e evitar a destruição de suas casas, Os Goonies resolvem partir em uma grande aventura.
 ♥

Em Chicago, uma família inteira planeja passar o Natal em Paris. Porém, em meio às confusões de viagem um dos filhos (Macaulay Culkin), com apenas 8 anos, é esquecido em casa. Assim, o garoto se vê obrigado a se virar sozinho e a defender a casa de dois ladrões.
 ♥

Batatinha (Travis Tedford), Porky (Zachary Mabry) , Alfalfa (Bug Hall), Stymie (Kevin Jamal Woods) e outros meninos integram um grupo de garotos que simplesmente detesta garotas. Entretanto o clube se sente traído quando Alfafa se apaixona por Darla (Brittany Ashton Holmes) e os meninos começam a aprontar divertidas confusões para separar o novo casal.

Willy Wonka é o excêntrico dono da maior fábrica de doces do planeta, que decide realizar um concurso mundial para escolher um herdeiro para seu império. Cinco crianças de sorte, entre elas Charlie Bucket, encontram um convite dourado em barras de chocolate Wonka e com isso ganham uma visita guiada pela lendária fábrica de chocolate, que não era visitada por ninguém há 15 anos. Encantado com as maravilhas da fábrica, Charlie fica cada vez mais fascinado com a visita.
 ♥

Um alienígena perdido na Terra faz amizade com um garoto de dez anos, que o protege de todas as formas para evitar que ele seja capturado e transformado em cobaia pelo serviço secreto americano. O menino ajuda o ET a regressar ao seu planeta.

E também: ♥ Matilda - História sem Fim - Meu primeiro Amor - ABC do Amor ♥
♥♥♥♥♥


Sinopses: Adoro Cinema e Wikipédia