04 abril 2014

Esses dias...

Existem momentos em que nenhuma palavra de ânimo atinge realmente o seu objetivo, não fazem o menor sentido. Ahh essa vida adulta!
Então, como é de costume eu tento buscar algum abrigo emocional, qualquer coisa que me mantenha otimista, afinal, a vida a gente sabe como é.
No caminho eu percebo que apesar de não estar onde quero ou estar fazendo o que sonho, existe algo em mim, bem lá no fundo, que não me deixa desistir. Não sei o que é realmente. Deus?
Eu tinha a mania de mergulhar nas minhas dores e ouvir falarem por mim através das músicas. E então me colocava sempre pra baixo. Daí decidi não escutá-las mais. Por que eu não preciso me sentir mais triste para me sentir melhor.
Procurei a partir de então, ouvir o que importa para esses momentos: meu coração, minha mente, entender meus impulsos, me entender, saber verdadeiramente o que procuro, saber o que me define.

Nenhum comentário:

Postar um comentário